O RESSENTIDO CIRO GOMES CHAMA LULA DE ESCLEROSADO. VIVA A ESCLEROSE!

PRODUÇÃO AFINSOPHIA.ORG

 

No sentido histórico, não precisa se apoiar em Marx, Lula é um ser cujos fluxos de produção do novo em sociedade é simplesmente singular. Não é necessário exposições: o real contemporâneo se encarrega de afirmar e confirmar.

 

Territorializado pela força irracionalmente perversa do sistema capitalista latino-americano, soube, através da produção de percursos mobilizadores, se desterritorializar das garras-sádicas da pobreza, em seus sentidos gerais, e se transformar na consciência de trabalhador coletivizado como Humano Além do Demasiado Humano opressor mistificado-fetichizado como mera mercadoria trabalhista para alimentar a ambição-paranoica do patrão-burguês-capitalista-capitalístico.

 

Hoje, como até as pedras que não rolam sabem – por isso criam limo -, é o virtual (?) novo presidente do Brasil. Ou seja: pela terceira vez. Livre, sem mágoa e sem rancor, como canta o samba. Como canta a virtude-superior da liberdade.

 

Em lado contrário, diria, debochando, o filosofo, Hegel, como elemento antagônico de Lula, Ciro Gomes, conhecido nas rodas filosóficas nietzscheanas, como o ressentido – eu sofro a culpa é tua -, é mais uma vez – compulsivamente ou tautologicamente – candidato ao cargo de presidente da República, e, segundo todas as pesquisas de intenções de votos, ocupa posição sofrível. Uma ofensa, principalmente, para alguém que é membro do partido, PDT, criado pelo revolucionário insigne-socialista-moreno, Leonel de Moura Brizola, que, carinhosamente, apelidou Lula de Sapo Barbudo.

 

Sem qualquer singularidade-histórica, impulsionado pela força irracional e patológica da inveja, mais uma vez, Ciro Gomes, acreditou que poderia ofender Lula, e tascou-lhe um “esclerosado”: “Lula é um politiqueiro esclerosado”, desatinou. Não deu outra: a galera foi ao delírio. Partiu mais uma vez para o deboche contra o falso cearense. Bendita esclerose de Lula! Bendita esclerose de Lula que Ciro nunca teve, não tem e jamais terá! 

 

Se por um lado, Ciro com sua exclamativa, confirmou sua índole-discriminatória contra as pessoas acometidas de esclerose, por outro, elevou Lula ao topos de representante-ilustre dos esclerosados. 

 

E o filósofo Zé da Zilda, pergunta: Quem não gostaria de ser representado por Lula? 

 

As pesquisas confirmam e asseveram: Viva a Esclerose! 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.