E O VÍCIO CONTINUA: LULA VENCE NO 1° TURNO COM 49,4%, MOSTRA PESQUISA IPESPE

No cenário mais provável, com Sérgio Moro (Podemos) como principal candidato da terceira via, Lula chega a 49,4% dos votos válidos no primeiro turno. Sem o ex-ministro de Jair Bolsonaro (PL), Lula somar 51%.

 

facebook sharing button

Pesquisa Ipespe realizada entre 10 e 12 de janeiro e divulgada pelo Brasil 247 também mostra que Lula, pré-candidato do PT à Presidência, está próximo de uma vitória no primeiro turno das eleições de outubro. Os números são parecido com a da pesquisa anterior, divulgada pelo instituto no final de dezembro.

 

No cenário mais provável, com Sérgio Moro (Podemos) como principal candidato da terceira via, Lula chega a 49,4% dos votos válidos no primeiro turno. Sem o ex-ministro de Jair Bolsonaro (PL), Lula somar 51%.

Nos dois cenários estimulados já divulgados, Lula tem 44% dos votos. Bolsonaro tem 24% com Moro e 25% sem seu ex-ministro.

O ex-juiz da Lava Jato marca 9%. Sem ele, Ciro Gomes (PDT) surge como principal candidato da terceira via, com os mesmos 9%.

João Doria (PSDB), vem em seguida nos dois cenários – 2% com Moro e 3% sem o candidato do Podemos. Simone Tebet (MDB) tem 1% com o ex-juiz e 2% sem ele.

Rodrigo Pacheco (PSD), Felipe D’Ávila (Novo) marcam 1% nos dois cenários. Sem Moro, Alessandro Vieira (Cidadania) também tem 1%.

Com o ex-ministro de Bolsonaro, brancos e nulos somam 6% e indecisos 7%. Sem ele, os índices são de 11% e 5% respectivamente.

A pesquisa Ipespe ouviu 1 mil eleitores por telefone por meio do Sistema CATI IPESPE. A margem de erro máximo estimada é de 3.2 pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95,5%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-09080/2022.

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.