ALÉM DE CORRUPÇÃO NA PANDEMIA, CHICO RODRIGUES É INVESTIGADO POR DESVIO NA SAÚDE INDÍGENA

 

Colunista diz que Rodrigues tem sido aconselhado a desistir do mandato de senador, mas teme ficar sem o foro privilegiado

Jornal GGN – Aliado de Jair Bolsonaro, o senador Chico Rodrigues (DEM) não é apenas investigado por um contrato de R$ 3,2 milhões assinado na pandemia de coronavírus, sem licitação e direcionado pelo estado de Roraima a uma empresa ligada a sua assessora especial.

O ex-vice-líder do governo, flagrado com mais de R$ 30 mil na cueca, responde também a um inquérito da Polícia Federal sobre desvio de verba da Saúde indígena.

Segundo informações de Bela Megale, o caso tramita em segredo de Justiça e não está sob a relatoria do ministro Luis Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, que autorizou o afastamento de Rodrigues por 90 dias, por causa da operação envolvendo a compra de testes diagnóstico de Covid.

De acordo com a colunista, Rodrigues nega todas as acusações – inclusive que parte do dinheiro apreendido estava em suas nádegas – e tem sido aconselhado a abandonar o cargo antes que seja cassado. Ele teme, porém, ficar sem foro privilegiado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.