HASHTAG#NOTEMPODELULA LIDERA NO TWITTER COM RECORDAÇÕES DE UM OUTRO BRASIL

SAUDADES
Políticos e internautas relembraram feitos do governo nas áreas econômica, social, educacional e internacional. Também sobraram comparações com Bolsonaro
    
RICARDO STUCKERT

Saudades do meu ex: Brasil era respeitado no mundo e o povo era respeitado no país

São Paulo – A hashtag #NoTempoDoLula chegou ao primeiro lugar entre os assuntos mais comentados do Twitter no Brasil na manhã desta segunda-feira (21). Políticos e internautas em geral destacaram feitos do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas mais diversas áreas: do combate à pobreza aos programas educacionais, passando pelo pagamento da dívida ao FMI e outros feitos da política externa. Também sobraram comparações com o governo do atual presidente, Jair Bolsonaro (PSL), envolto em uma crise interna do seu partido e desgastado pela inação frente ao vazamento de petróleo que atinge o litoral do Nordeste.

Os usuários da rede social rememoraram feitos econômicos do governo Lula, citando que o Brasil alcançou o sexto lugar entre os países com maior economia do mundo. Destacaram a criação de milhões de empregos com carteira assinada e a elevação do valor do salário mínimo 72% acima da inflação. A saída do Brasil do Mapa da Fome, uma das consequências do programa Bolsa Família, e a criação de 18 novas universidades federais e 173 campi universitários também foram destaques entre os internautas.

Para o líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (PT-RS), “o mundo olhava o Brasil com respeito e interesse pela revolução social” que o governo do ex-presidente Lula promoveu, segundo ele. Para a deputada Maria do Rosário (PT-RS), #NoTempoDoLula o país era mais feliz. “As pessoas tinham emprego, a cidadania e os direitos sociais eram respeitados e o governo tinha um projeto de desenvolvimento nacional”, postou. O deputado Waldenor Pereira (PT-BA) destacou os investimentos em educação, que quase triplicaram durante os dois mandatos de Lula: “O orçamento para a pasta, em 2003, era de R$ 18,1 bilhões, pulando para R$ 54,2 bi, em 2010”.

Um dos episódios mais lembrados foi quando Gilberto Gil, então ministro da Cultura do governo Lula (2003-2010), fez um show na Assembleia Geral da ONU, em setembro de 2003, para celebrar o Dia Internacional da Paz e que também homenageava as 22 pessoas mortas no atentado à sede da organização em Bagdá, que também vitimou o embaixador brasileiro Sérgio Vieira de Mello, no ano anterior.

Jeferson Pickhardt 🇻🇳🇧🇷🚩@Jefersondspg

o então ministro da Cultura @gilbertogil, tocando “Toda menina baiana” com o ex-secretário geral da ONU e Nobel da Paz Koffi Annan.

Nesse tempo o Brasil fazia o mundo cantar e dançar, hoje bolsonaro faz o mundo chorar e lamentar.
Subindo a TAG 👆🏽

Vídeo incorporado

680 pessoas estão falando sobre isso

Luiz LULA Müller@luizmuller

2,5 milhões de jovens filhos de trabalhadores acessaram a Universidade por Causa do PROUNI. Agora Bolsonaro corta os recursos e o Programa míngua.

Veja outros Tweets de Luiz LULA Müller

garoto do all star@umpsiquico

a gente não tinha um presidente machista, homofóbico, racista, um verdadeiro demônio no poder

Veja outros Tweets de garoto do all star

Luiz Pantaleoni@Pantaleoni

Real? toda classe média comprou carro zero.

Trocaram novamente no tempo da Dilma.

Hoje são Uber.

Ver imagem no Twitter
Veja outros Tweets de Luiz Pantaleoni

Ádamo Antonioni@adamoantonioni

Só queria dizer que no todo mundo tinha emprego, o filho do pobre estava na Universidade, a classe média empreendendo, todo mundo estava unido em fazer o Brasil prosperar. Hoje a direita se une para odiar e destruir os programas sociais criados pelo PT.

Ver imagem no Twitter
Veja outros Tweets de Ádamo Antonioni

👩‍🎓idenilza#LulaLivre@blimadelima

em viagem pela Europa, os amigos me recebiam com alegria e falávamos sobre liderança econômica na América Latina por causa do pré sal, de futebol, caipirinha e praias; hoje me recebem com perplexidade e sempre perguntam: por que vocês não reagem?

Veja outros Tweets de 👩‍🎓idenilza#LulaLivre

detremura

@detremura


-O Brasil era a quinta economia do mundo
-Dólar e gasolina abaixo de 2,80
-Todo mundo tinha emprego, tinha gente que tinha dois empregos
-Tirou o Brasil do mapa da fome
-Teve inclusão social e colocou o pobre dentro da universidade
-Éramos respeitados e admirados

843 pessoas estão falando sobre isso

Danilo Leite@DanilosLeite

tinha :
– Fies
– Pronatec
– Prouni
– Ciência sem Fronteiras
– Mais Médicos
– Farmácia Popular
– Minha Casa, Minha Vida
– Bolsa Família
– Cisternas no sertão
– Luz para Todos
– Transposição do São Francisco
– Aumento do salário mínimo acima da inflação
(…)

893 pessoas estão falando sobre isso

🚩CLÁUDIA NEVES 🚩@nevesclaudia213

houve a redução do percentual da população brasileira que vive abaixo da linha de pobreza de 28% (2002) para 19% (2006).

Ver imagem no Twitter
182 pessoas estão falando sobre isso
REGISTRADO EM: 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.