PORTAL FÓRUM: “FUX NÃO PODE JULGAR MAIS QUE TENHA A VER COM LULA”, DIZ CIENTISTA POLÍTICO APÓS NOVO VAZAMENTO

12 DE JUNHO DE 2019.

Alberto Carlos Almeida reproduziu no Twitter parte do diálogo entre Moro e Dallagnol, que compromete ministro do STF

Foto: Carlos Humberto/SCO/STF

O novo vazamento de conversas comprometedoras entre o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, já repercutiu. O cientista político Alberto Carlos Almeida usou seu Twitter para protestar.

“Fux envolvido, não pode julgar nada mais que tenha a ver com Lula: Dallagnol ao grupo de procuradores: caros, conversei com Fux mais uma vez hoje. Reservado, claro. Ele disse que Teori fez queda de braço com Moro e se queimou. Fux disse para contarmos com ele para o que precisarmos mais uma vez”, postou.

Leandro Demori, editor-executivo do The Intercept Brasil, em entrevista a Reinaldo Azevedo, no programa “O É da Coisa”, transmitido pela BandNews FM, revelou detalhes de uma nova conversa envolvendo Moro e Dallagnol. O diálogo foi lido por Azevedo, ao final do programa. Desta vez, envolvendo Luiz Fux.

Alberto C. Almeida@albertocalmeida

Fux envolvido, não pode julgar nada mais que tenha a ver com Lula:
Dallagnol ao grupo de procuradores: caros, conversei com Fux mais uma vez hoje. Reservado, claro. Ele disse que Teori fez queda de braço com Moro e se queimou. Fux disse para contarmos com ele para o que

191 pessoas estão falando sobre isso

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.