COMPOSITOR GORDURINHA, AFIRMA O VÍCIO: “BAIANO BURRO GARANTO QUE NASCE MORTO”: LULA 54% O OUTRO 24%

PRODUÇÃO AFINSOPHIA.ORG

 

Mais uma pesquisa que o Sapo Barbudo comanda o show eleitoral para presidência da República, quando faltam apenas sete meses para a Democracia-Brasileira se mostrar em sua Potência-Política. Pesquisa do Instituto Opnus confirma o vício-democrático. Lulão aparece com 54% da vontade dos eleitores contra solamente 24% do Outro que ja virou a curva da partida sem volta. Diferença apenasmente de 30 pontos. É mole, meu? Mesmo recorrendo aos expedientes chantagistas usados por todos antidemocratas, para tentar abiscoitar umas migalhas de votos, o Outro, não dança nem o dois pra lá dois pra cá. 

O que diria o talentoso e realista compositor baiano Gordurinha observando alguns de seus conterrâneos negando sua afirmação telúrica: 

“Sou da Bahia comigo não tem horário
Não sou otário e você pode zombar
Sou cabra macho, sou baiano toda hora
Meio dia, duas hora, quatro e meia o que é que há
Cabeça grande é sinal de inteligência
Eu agradeço a providência ter nascido lá”.

Talvez, ele respondesse com essa esclarecedora estrofe:

“O pau que nasce torto
Não tem jeito morre torto
Baiano burro garanto que nasce morto”. 

Ou será que os 24% do Outro não são, na verdade de baianos, mas de moradores que moram na Bahia provenientes de outros estados? Se “baiano burro nasce morto”, é provável. 

E os outros? Na sequência, Ciro, o amargo, tem 6%, e Moro, o desnarcisado, 4%. E ainda acredita que vai virar.  Quem vira é lobisomem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.