LULA, PROVENIENTE DO MÉXICO, FAZ ESCALA RELÂMPAGO EM MANAUS E FALA COM MEMBROS DO PT, ENTRE ELES, JOÃO PEDRO, PRÉ-CANDIDATO AO GOVERNO AM

PRODUÇÃO AFINSOPHIA.ORG

 

Agora foi!

A escala de Lula em Manaus, proveniente do México, estava marcada para ontem, domingo, 6. Entretanto, em função de outros planos oficiais, o ex-presidente só conseguiu realizar a aterrissagem-política-manauense, hoje, dia 7, nas próprias dependências do aeroporto internacional Eduardo Gomes.

Em sua comitiva, Lula contou com as presenças da presidenta do Partido dos Trabalhadores, Gleisi Hofmann, o ex-chanceler Celso Amorim, o ex-ministro da Educação Aluízio Mercadante, entre outros. Durante sua brevíssima estada em terras ajuricabanas, Lula, conversou animadamente (também, nadando de braçada na disputa da presidência como primeiro lugar na preferência popular…) com alguns membros do PT e, também, não membros, como o senador Omar Aziz, que pleitei sua recondução ao Senado Federal, visto que seu mandato termina neste ano, e, segundo informações além das bocas das Matildes, é o preferido de Lula.

Todavia, quem mais festejou a presença de Lula, embora relampaguejante, por forte interesse político-partidário, foi João Pedro, que chegou a adiar por duas vezes uma viajem que realizaria ontem, para poder falar com o Sapo Barbudo. Mas, as adiadas não foram em vão. Viu, ouviu e foi ouvido pelo comandante das pesquisas eleitorais. João Pedro espera ansiosamente a decisão do ex-metalúrgico em favor de sua candidatura para disputar o governo do Amazonas que durante décadas vem  vertiginosamente descendo a infinita ladeira do atraso pela força dominante dos mais reacionários governantes (?) que o estado já foi submetido.

Para muitos amazonenses, o atraso persecutório do estado do Amazonas parece produto de força sobrenaturais. Tanto para quem acredita no sobrenatural, como até mesmo alguns que não acreditavam e passaram a acreditar tal a tirania da dor burocrática-administrativa que o estado vem sofrendo nestas décadas. A dor é tamanha, que tem até amazonenses querendo invocar outras forças sobrenaturais ou metafísicas, dependendo da crença, para tentar a libertação do estado simbólicos das guerreiras Amazonas comendadas bela e nobre rainha Pentesileia. É mole, meu!?

O certo mesmo, é que sobrenatural ou natural, João Pedro se toma como candidato capaz de instituir o primeiro governo de esquerda no estado do Amazonas, e, para isso, espera, imprescindivelmente, o apoio de Lula. Hoje, o único líder capaz de auxiliar na eleição de qualquer candidato a qualquer cargo nas eleições de outubro. Que para o bem da democracia só faltam cinco alvissareiros meses.

É a enunciação da reprodução da alegria Democrática! O resto é só delírio, como poderia evocar-teatralmente, Shakespeare.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.