1º DE ABRIL, DIA DA MENTIRA, É UMA TREMENDA MENTIRA

Se o princípio lógico da verdade é a objetividade, a concordância do enunciado com o que se tem como realidade sensível e intelectível, o que pode ser provado por estas duas faculdades, o 1º de abril, como enunciado, dia da mentira, é uma tremenda mentira. Como dia de um mês que possui concordância sensitiva e intelectiva no tempo e no espaço, ele é uma verdade. Portanto, tratado como mentira, é uma mentira.

Para que o dia 1º de abril fosse o dia da mentira, o mês de abril teria que ter um dia a menos. O seu dia 1º não existiria, por ser uma mentira. E, como ele, todos que tivessem referência com esta data. A inexistência deste dia anularia qualquer referência que se quisesse real a ele. Não existindo o dia 1º, abril começaria no dia dois. Assim, estaríamos mais novos. Alguns bebês não nasceriam, e também muita gente não morreria. E o salário — de quem tem —, renderia mais.

Mas aqui salta um impasse. Se o dia 1º de abril não existisse, nós estaríamos impedidos de mentir. O que é humanamente impossível. Basta lembrar o adágio popular: “Errar é humano”. O erro é a ausência da verdade e a preponderância da mentira. Sem mentira o homem seria perfeito, o que seria o fim do mundo. O fim do movimento. E o mundo segue os véus, as máscaras os adornos da mentira. O mundo quer desnudar a mentira para ver o que ela esconde. Certamente, nada.

O certo é que, em um mundo que se fabula tanto a verdade, a mentira tem sempre que mostrar sua cara. Até mesmo quando ela é uma verdade. Por exemplo. A democracia, para a corrupção, é uma mentira. Não é verdade necessária ao povo. As investigações do delegado Protógenes, que prendeu o banqueiro Daniel Dantas, recebendo este sentença de condenação do juiz De Sanctis, para os advogados de Daniel Dantas, são mentiras. E, assim, muitas verdades são tomadas como mentiras. Isto porque o princípio determinante da verdade ou da mentira é um conjunto de valores condensados em um sistema. E o juiz que sentencia o que é verdadeiro ou mentiroso, é aquele que detém a força deste sistema. Sistema quase sempre tirânico, como o capitalista, e, sistema, quase menos, democrático, em função da tirania.

Então, neste dia que se diz 1º de abril, vamos fazer prevalecer o sistema de valores democráticos, e vamos anunciar algumas mentiras como verdades. Freudianamente, a mentira pode ocultar um desejo de verdade para quem nela se encontra envolvido. Exemplo: dizer que o Fernando Henrique é o príncipe dos sociólogos é uma tremenda mentira, mas para ele é um imenso desejo de que seja verdade.

Vamos às enunciações mentirosas, e, para tal, contamos, também, com as mentiras do nobre acessador deste bloguinho intempestivo. Olha aí uma verdade nietzschiana que no senso comuníssimo salta como mentira: intempestivo.

MENTIRAS, VALHA-NOS DEUS!

<> Amazonino, prefeito de Manaus cassado em primeira instância pela excelentíssima juíza Maria Eunice Torres do Nascimento, hoje, em sessão plenária do Tribunal Superior Eleitoral – TSE, teve confirmada sua absolvição.

<> De acordo com a avaliação do MEC sobre o ensino nos estados brasileiros, publicada hoje, o Amazonas deixou o penúltimo lugar, passando a ocupar o primeiro lugar em aproveitamento escolar.

<> O governador do estado do Amazonas, Eduardo Braga, em reunião com seu secretariado, mais autoridades e empresários, depois de avaliar o quanto as políticas públicas do estado necessitam de verbas para que a sociedade tenha seu direitos atendidos, decidiu não mais colocar o nome de Manaus como sede da Copa em 2014. E de quebra não vai mais construir a ponte Manaus Iranduba, pois viu que se tratava mais de uma vaidade pessoal do que necessidade social e econômica. Todo dinheiro que seria gasto será usado para o Bem Comum.

<> Empresários donos das mídias de Manaus decidiram, em grupo, mudar suas orientações editoriais. A partir de hoje não mais se submeterão às imposições dos governos. Afirmam que serão democratas reais. O primeiro ato será aumentar os salários dos jornalistas, fotógrafos, todos os profissionais midiáticos, e resguardar todos os direitos trabalhistas dos mesmos.

<> Justiça afirma que o PSDB não foi o criador do valerioduto.

<> Em reunião de seu partido PSDB, o governador de São Paulo, José Serra, abdicou de sua candidatura à presidência.

<> A Central Globo de Produções decidiu terminantemente pôr um fim às telenovelas, o Fantástico, Jô, BB, e todos seus tele-jornais, principalmente o Jornal Nacional. Na esteira, demitiu Xuxa, Angélica e marido, Galvão Bueno, Bial, entre outros.

<> As organizações Globo publicaram, hoje, carta documento contando e assumindo todos os episódios históricos em que conspirou contra a democracia brasileira.

<> O ministro da Educação assinou, hoje, decreto que acaba com o vestibular para o ingresso na universidade pública.

<> A partir de hoje, Dunga não é mais técnico da seleção, em seu lugar foi contratado Romário.

<> Para colocar um basta definitivo em sua rusga contra o técnico da seleção Argentina, Maradona, o ex-jogador Pelé afirmou que sempre teve o ex-jogador Maradona como o melhor jogador do mundo. E que sempre foi seu fã.

<> Em missa matinal, o Papa surpreendeu o mundo: afirmou que é a favor da camisinha, assim como de todas as formas de contraceptivos.

<> Os senadores Arthur Neto, Agripino Maia, Mão Santa, Heráclito Fortes, Efraim, Sérgio Guerra, e mais Fernando Henrique encontraram-se hoje, no Palácio do Planalto, com Lula, e exigiram que ele se candidate ao terceiro mandato.

<> Ivete Sangalo, Seu Jorge e Hebe Camargo entram em estúdio, hoje, para gravar uma música em homenagem aos dois mandatos de sucesso de Lula.

<> As empresas Firefox, Netscape, Internet Explorer e Google notificam aos usuários virtuais que a partir de hoje estarão desativando suas redes.

……………………………………………………………..

……………………………………………………………..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.