Warning: getimagesize(http://amadeo.blog.com/repository/770060/2241984.jpg): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 500 Internal Server Error in /home/afin1888/public_html/wp-content/plugins/seo-by-10web/site/site.php on line 504

FESTA DE OXÓSSI NO ILÉ AŞÉ DO PAI-GEOVAŅO DE AJAGÙNNỌN

Esta festa pra Oxóssi foi realizada no dia 28 de julho deste ano e já foi postada no afinsophia.blog. Postamos agora aqui no afinsophia.wordpress para que se possa ver um pouco da beleza do terreiro de Pai Geovano e as bençãos dos orixás àqueles que participam ou simpatizam com a religião do Candomblé.

O chão estava salpicado de folhas perfumadas, nos cantos as palmas de coqueiro, os filhos com suas belas vestimentas, Pai Geovano com sua suavidade, o terreiro preparado para receber o ilê de outros terreiros e visitantes que chegavam. Soaram os atabaques e agogôs, começando o Xirê, a Festa dos Orixás…

Enquanto os cantos e rezas continuavam pela noite, mais pessoas chegavam, até o terreiro ficar lotado de cores e movimentos dos filhos e Babalorixás presentes. As danças em louvação para cada orixá sendo realizadas com bastante efervescência pela incorporação das entidades que “baixaram”. Até que baixou o homenageado da festa, com sua roupa de pele de animais, suas folhagens, seu arco e flecha: Oxóssi dançou por todo o terreiro, baixou ao chão, tudo com muita agilidade e beleza, depois “suspendeu” três novos adeptos do Candomblé e, por último, distribuiu suas frutas entre os participantes.

Então veio Oxalá e fechou o Xirê. Após, as comidas do santo foram saboreadas por todos e o delicioso aluá foi compartilhado à vontade. Com o copo na mão, aproveitamos a descontração e conversamos com alguns dos Babalorixás presentes: o jovem Pai-Marquinho nos contou sobre como se forma um Pai-de-Santo, falando que não tem a ver tanto com a idade, mas do percurso de preparação, que é de no mínimo sete anos. Pai-João Bosco de Oxum (ao centro, foto abaixo) explicou a origem e alguns fundamentos do Candomblé: “É uma religião sem preconceitos, que aqui no Brasil nasceu do sincretismo dos cultos trazidos pelos escravos africanos com a religião católica. Os escravos, para poder cultuar seus orixás, tinham que ocultar do senhor e por isso foi feita essa ligação”. Pai-Gilmar, conhecido como Fômu de Iemanjá (à esquerda, foto abaixo), falou-nos da proximidade que o Candomblé tem tido com a comunidade, pois o Candomblé vem sendo percebido como uma religião sem preconceitos: “O problema são os evangélicos, o que está errado, pois todos que lêem os evangelhos são evangélicos, o nome apropriado é protestantes. Eles esquecem que há anos atrás a Igreja Católica fazia o mesmo com eles, o mesmo preconceito que agora estão reproduzindo em relação ao Candomblé”.

Lá fora do terreiro, começou um toque dos instrumentos para animar a degustação. Foi então que Pai Geovano sentou conosco e falou sobre sua alegria com a festa de hoje:

A perspectiva de gente extrapolou a que eu pensava que viesse. Muita gente legal, muitos pais de santo considerados de respaldo dentro da religião. Não vieram todos porque talvez não quiseram, talvez não deu, mas a impressão que eu tive das pessoas que estavam aqui é porque gostavam, estavam me prestigiando, prestigiando Oxóssi principalmente. Pra mim, foi o máximo. Gostei muito, é bom saber que as pessoas estão acreditando mais no orixá, percebendo uma coisa que ela não vê só através de uma pessoa. Então ela só pode ver basicamente a áurea do orixá. É importante porque ele não está em carne e osso, ele está em espírito. Mas assim dá pra gente sentir, dá pra gente ver a evolução do santo, ver como é bonito.

Explicou-nos também sobre o “suspenso” das três novas pessoas de seu terreiro:

Isso se chama “suspenso”. Significa que a pessoa é levantada, que o santo escolhe pra servir a casa, servir a ele próprio. Essa pessoa, a partir desse instante é conhecido como Ogã Suspenso. Foram suspensos, ganharam uma autoridade a mais dentro da casa. Agora sim já podem participar de certos tipos de rituais.

5 thoughts on “FESTA DE OXÓSSI NO ILÉ AŞÉ DO PAI-GEOVAŅO DE AJAGÙNNỌN

  1. parabens, parabéns mesmo! achei um encanto e muito bem organizado, servirá de exemplo para muitas pessoas que tentam denegrir a imagem de uma religião tão bonita e essencial. Que Deus e todos os orixás ilumine a todos deste ilê, bem como abençoando aqueles que direta ou indeiretamente contribuiem para a prosperidade desta roça desde o abiã aos sacerdotes. motumbá!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. gostei bastante e vou acessar sempre, pois é muito bom ver um terreiro organizado. que Deus e os orixás abençõe todos vocês!

  3. Remédios Calado,
    e isso que colocamos aqui é apenas uma amostra do trabalho e da cultuação aos orixás no barracão de Pai Geovano. Se você é ou não da religião do Candomblé, se já foi ou for, confirmará e aumentará com certeza sua admiração pela beleza e autenticidade presentes nesse ilé axé. Por isso, axé…

  4. gostaria de saber quando voçes iram coloca
    as fotos ea materia da festa dos orixas no ile axe do pai geovano obrigado abraçossssss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.